acheilondres.com

Responsive image Estilo de Vida

O surto do Zica vírus aumenta a discussão sobre aborto no Brasil

O surto do Zica vírus aumenta a discussão sobre aborto no Brasil

Desde o alastramento do vírus da zica, responsável por mais de 4.000 registros de microcefalia no Brasil, 583 confirmados, segundo o ministério da saúde, somente entre outubro de 2015 a janeiro de 2016, começou uma movimentação intensa na discussão sobre o aborto no Brasil.

Segundo Datafolha, 51% dos brasileiros rejeitam o direito, e 39% aprovam se houver má formação.

As pesquisas mostraram que com o surgimento de novos casos a população passou a aceitar mais a possibilidade de aborto quando a doença é confirmada.

A maioria dos entrevistados culpam o governo pelo surto, mas também a população pela falta de cuidado.

Compartilhe:

Fabia Nishiuchi

Formada em comunicação, residente na terra da rainha a oito anos, tornei a troca de idéias e concepções entre as pessoas um estilo de vida, o qual, como resultado, se tornou um trabalho. Um trabalho que amo.

Noticias relacionadas